E por favor, não tenham pena de mim. Eu não preciso da sua dó, do seu pesar.
Não deixe que decidam o que você deve sentir
Andressa Faria de Almeida
738

Eu não posso ter pena de ti Andressa Faria. Pelo contrário, tenho orgulho pela tua coragem de combater um problema tão devastador como este. Lamento pela tua dor, esta que não pode ser reparada no passado, mas desejo cada vez mais força, agora, no teu presente para que estejas reconstruindo a tua vida e possas mirar o teu futuro possível. Caso precise de alguém para conversar, pode contar comigo. Abraço, da Fran.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.