incertezas

talvez um dia você consiga sair de um relacionamento sem que a outra pessoa fique devastada. talvez um dia você consiga terminar com alguém por motivos reais que não se resumam aos seus próprios problemas e a sua falta de habilidade para lidar com eles. talvez um dia você consiga se afastar de alguém sem destruir essa pessoa que te amou tanto.

talvez com o tempo você descubra uma forma de não ser uma bomba atômica na vida das pessoas ao seu redor. talvez você aprenda a não ser grossa com a sua mãe, com o motorista do uber ou com a pessoa que está com você; e quem sabe você vai entender que dá pra fazer o bem apenas sendo gentil, e que ser gentil não custa nada — basta escolher ser.

talvez eu também tenha coisas a aprender — com certeza eu também tenho coisas a aprender. mas sobre elas, não sei o suficiente pra listar aqui como fiz com você, então quem sabe quando eu aprender tudo que eu preciso aprender posso fazer outro texto desses falando sobre mim.

talvez você encontre alguém que não exija tanto de você, que não seja um ecochato, que não seja contra o capitalismo, que não, que não, que não. que não seja eu. e aí você vai conseguir ficar com essa pessoa e construir uma vida com ela e comprar cachorros e tomar caipirinha. e aí você não vai precisar terminar com ela porque ela vai ser a melhor pessoa pra você.

ou talvez a gente se encontre daqui a alguns anos e esteja tudo diferente e a gente saiba mais das coisas e tenha aprendido coisas novas e esquecido coisas velhas que não eram úteis a mim nem a você. e aí talvez a gente dê certo.

ou não, né? vai saber.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated manga’s story.