me pego pensando nas catástrofes mundiais pra esquecer o quanto você foi uma no meu mundo. você chegou de mansinho e entrou sem pedir permissão. não tirou os sapatos e nem falou baixo. eu me acostumei com o barulho, com o vento, com as ondas.

e você foi embora

o silêncio nunca foi tão ensurdecedor. e foi assistindo o jornal sobre a crise nacional que eu te defini. você foi minha crise. você foi minha grande catástrofe. um dia me disseram que cada um de nós tínhamos um inferno consigo. você foi o meu.

e quando tudo chegar ao fim

eu desejo imensamente ser condenada a ele

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.