Sonhar!

Sonhar tem trazido um mal agouro para mim, uma maré de angústia que condena a minha mente com pensamentos invasivos de destruição.

Eu não quero mais sonhar, se esses sonhos continuam a ser falsos. Tão falsos e corrosivos que desequilibram toda a estrutura, as coisas que penso não estão de acordo com o que faço.

O meu baralho está completo de coringas, mas nenhum deles sorri.

Acontece que olho muito para o céu, observando as nuvens passageiras em um ritmo lento. Não me dou conta do que está a minha frente, quando percebo já fui atropelado, minhas artérias perfuradas, peito rasgado e garganta esmagada.

Meu pessimismo começa quando não consigo distinguir quando eu estou realmente acordado e não sonhando.

Eu quero muito fechar meus olhos.

Dormir pela primeira vez em anos.

Ter alguém para falar o que sinto, e esse alguém não seja a mim mesmo.

https://67.media.tumblr.com/e8a3db3bb6e5b4912e185588cc3bb097/tumblr_nuiepqYVPW1uw0h7mo1_500.gif