Suor

Estava de noite mas ele sentia o sol queimar sua pele, não sabia bem ao certo o que estava acontecendo e num ato instintivo começou a correr. Correu, correu muito, porém o horizonte não mudava, as altas montanhas não pareciam mais perto e a mancha negra que pairava no céu estava ficando maior cada segundo. Ele então deitou-se na areia, fechou os olhos, não sabia se iria abri-los novamente mas preferiu fechá-los para não ver o que iria acontecer. Permaneceu minutos com os olhos fechados e conseguia sentir uma energia sinistra ao redor de seu corpo, mais minutos se passaram e a mente humana traiu o pobre homem, inquieto e curioso ele abriu os olhos, nesse momento viu o que nunca mais iria esquecer, uma criatura com tentáculos saindo de todos os orifícios, olhos verdes neon e pelo por todo corpo. A criatura então fechou os olhos e os tentáculos começaram a esticar e se tornaram um, e como uma flecha esse único tentáculo perfurou a barriga do homem que subitamente acordou molhado de suor em sua cama.