O fim de uma (girls) geração

Apesar da grande e toda poderosa S.M. Entertainment afirmar que não irá ocorrer o fim do grupo da nação, o tão aclamado Girls’ Generation, é fato que com somente cinco integrantes restantes não é o suficiente para continuar o legado de um dos maiores girl grupo do Mundo.

Trecho da dança da música “Gee” — um dos maiores sucesso do grupo

A despedida da vocal principal, Jessica, do grupo em meados de 2014 foi um choque para todos, até hoje percorre um mistério sobre como foi feita essa negociação. Já que a integrante disse que não tinha planos de sair, enquanto a empresa afirma que Jessica foi quem escolheu terminar o vínculo para seguir com sua linha de moda e uma carreira solo. No entanto, o grupo seguiu firme com as oito integrantes restantes, lançando singles e mini álbuns, porém não tendo mais o mesmo impacto de antes. “Lion Heart” foi uma das músicas do grupo que se destacou nesse intervalo de tempo.

Capa para o álbum em comemoração de 10 anos de grupo

A situação só se agravou quando as meninas lançaram álbum em comemoração de 10 anos de Girls’ Generation e não obteve o sucesso que a empresa e o grupo esperava, tendo que encerrar as promoções da música antes da hora.

Tendo em vista esse cenário, no dia 09/10/2017 os portais de notícia coreanos publicaram que três das oito integrantes optaram por não renovar seu contrato com a empresa (S.M. Entertainment), ou seja, o fim das promoções delas com grupo.

SooYoung, SeoHyun e Tiffany ainda não fizeram um pronunciamento oficial sobre a saida, porém os fãs, obviamente, fizeram algumas especulações. Em relação a Tiffany é ponderado que ela irá voltar para os Estados Unidos (onde cresceu) e estudará atuação. Já as teorias de SeoHyun giram em torno do fato dela querer procurar outra empresa que a dê mais destaque, ou seja, mais trabalhos importantes em programas de TV, papeis principais em seriados e uma carreira solo consolidada (que no caso do Girls’ Generation a empresa deu um enfoque muito grande na TaeYeon nesse quesito). Enquanto SooYoung, que já estava de conversa com outras empresas para tentar continuar a carreira de atriz, está, possivelmente, com um casamento agendado. Com um namoro público que dura a alguns anos os fãs imaginam que essa seja a principal razão dela estar saindo da empresa, já que muitas vezes não é permitido manter algum tipo de relacionamento enquanto o grupo está ativo logo um casamento seria extremamente complicado.

Com os dados apresentados acima é improvável que o grupo consiga manter sua constância de lançamentos e premiações com apenas cinco integrantes, dado que os grupos novos estão ganhando cada vez mais o cenário musical. Além disso, é importante salientar que Girls’ Generation foi um dos maiores grupos da 2° geração musical do K-pop e em como esse desmembramento atinge os outro grupos dessa geração.

Wonder Girls, 4MINUTE, 2NE1, SISTAR… lista composta de grandes grupos dessa 2° geração que disseram adeus a indústria da música pop coreana, dando mais espaço para uma 3° geração que mira o sucesso mundial, tal como os meninos do BTS.

Para concluir segue algumas músicas de grupos marcantes da 2° geração.

Um dos maiores sucessos de Girls’ Generation que lançou moda na época, 2008
Outro grupo que em quesito popularidade competia frequentemente com SNSD, é o 2NE1. “I am the Best” foi o maior lançamento do quarteto
Apesar de não ser um grupo que disbandou, missA anda sumido a um ano e foi um grupo que marcou muito essa geração. Afinal, empoderamento feminino é tudo!
O grupo 4MINUTE foi outro que nos disse adeus em 2017, porém nos deixaram com excelentes músicas, como “Crazy”
Confira o clipe de “Nobody” que nos trás uma histórias engraçadinha sobre como esse quinteto que nos abandonou em janeiro de 2017 ficou famoso.