Não tenha apenas ideias.Tenha execução e acabativa.

Crédito da foto: StockMonkeys.com via VisualHunt / CC BY

Não importa o método, não importa o momento, ter novas ideias se trata de um processo extremamente importante, mas convenhamos, ter ideias tudo mundo tem, mas o que o mundo realmente precisa é de acabativa alinhada a boas ideias!

Muito se houve falar sobre novos negócios, uma das principais características é saber o quão rápido esses novos negócios irão chegar ao break even point e além disso, quanto rápido se tornarão escaláveis crescendo a números além da média de seu concorrentes.

Mas o que isso tem a haver com ideias e acabativa?

Extremamente comum pessoas terem ideias, ideias sobre tudo, sobre todos os modelos de negócios, sobre todos os processos, mas são poucas as que estão dispostas a executa-las e menos ainda as que estão dispostas a insistirem até que a ideia se torne uma ideia rentável.

Para um novo modelo de negócio, e digamos, que para os modelos já existentes ter escalabilidade e acabativa são características que andam lado a lado […ou pelo menos deveriam].

Nem todas as ideias perdurarão para sempre, algumas boas ideias serão utilizados em largas escalas pontualmente, as pessoas precisam estar dispostas a recriar a mesma ideia várias vezes, ou saber a hora certa para deixar a ideia de lado (até mesmo as já implantadas).

Quem nunca teve um amigo, familiar, dizendo: “Haa, tive uma ideia de criar uma ferramenta assim óh”… — Ou ainda — “Tenho uma ideia para criar mas não tenho tempo…”. Tem uma ideia? Não fale apenas sobre ela, faça um modelo viável em pequena escala, tire do papel, crie um protótipo, um modelo mental que possa ser validado, valide, reorganize, valide novamente, teste, aplique e esteja disposto a deixa-la de lado caso o modelo de negócio exija. Siga em frente para ter novas ideias, ou melhor novas acabativas!

São vários os modelos sobre a criação e prototipagem de novas ideias, sejam para negócios já criados ou para os novos modelos de negócios e são vários os métodos para validação também, mas tem um que chama atenção pela praticidade e pode ser aplicado em uma semana. O método Design Sprint da Google.

Ele permite que você possa pular de certa forma a etapa de construção e lançamento antes da construção efetiva do mínimo produto viável, reduzindo assim os riscos de falha e criando um modelo mais confiável da ideia.

Boas ideias para você, e ótimas acabativas!