e o impulso ainda pulsa.

br.pinterest.com/pin/62698619789313073

é irracional, é burro, é inexplicável.

tem dia que eu acordo e morro de saudades de você.

tenho uma vontade insana de correr pra te contar da minha vida.

coisas que eu sei que você está louco pra ouvir.

por mais amada e sortuda que eu seja.

por mais pessoas incríveis que permaneçam ao meu redor.

tem coisa que só tem graça com você do lado.

como domingo e netflix.

como acordar ao lado de alguém na cama.

como ter um sábado cheio de nadas pra fazer.

eu não tenho mais momentos de “nada”.

preencho cada minuto, pra ver se esqueço.

e escondo 25 links por dia que queria te mandar.

eu não queria sentir isso, juro. mas eu sinto.

uma falta imensa.

do seu cheiro, do seu sorriso.

do seu abraço e das suas piadas idiotas.

justo você, que me machucou tanto.

que quebrou todas as expectativas desleais que eu criei.

justo eu, que sempre me achei tão auto-suficiente.

que não levo desaforo pra casa, que tenho coragem pra tanta coisa.

queria seu peito agora.

queria você todo.

queria você.

queria.

mas passa.

até voltar.

no one’s got it all.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.