JORNALISMO SILENCIOSO

Nosso jornalismo nunca esteve tão silencioso. A política fervendo e jornais e telejornais reproduzem o óbvio. O famoso Jornal Nacional virou um jornaleco de amenidades e especializado em conversa de comadres entre o âncora e a moça do tempo. Ora, quando a moça do tempo chama mais atenção, e as passadas na frente da câmera se tornam o trunfo para crescer audiência, é porque micou de vez esse jornalismo. E pior, a audiência patinou e caiu.

A Globo passou 12 anos de lulismo sem investigar o mensalão, o assassinato de Celso Daniel e agora o Petrolão. E já decidiu que irá ficar caladinha sobre a investigação em Lula, se atendo apenas em dar as notícias que são básicas e eventualmente repercutir algo desse esquema de corrupção pelo poder, algum fato que ela não possa esconder. Jornalismo sonso, sem sangue, sem coragem, covarde.

Vai na mesma toada, o Grupo Folha/UOL, o portal TERRA, e as outras redes de TV aberta, Record, SBT e Band. Todas comprometidas com meias verdades, ou principalmente com a grana da publicidade governamental.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Global Informer’s story.