O que um empreendedor negro não precisa no Brasil. (+18)
Hamilton Henrique
28621

É isso mesmo, Mr. Hamilton. Especialmente na parte de muita gente que nunca vendeu nada na vida querer ensinar como empreender… Estamos no meio de um processo que, talvez, esteja no início do fim. Agora, nestes momentos de crise, só quem tem a vontade ficará. Como não há mais ambiente e dólar favorável para “largar tudo para empreender ou viajar”, só quem tem pressão fica.

E sobre ser negro, pardo, mulato, enfim… dá audiência. Infelizmente, não para o público que queremos, aquele que se espelha e vai. Mas, como tudo, também é uma questão de tempo.

Obs: Nos próximos textos, fale com o pessoal da TRENDR. Assim você submete os textos para um alto-falante ainda maior.

Boa sorte!

Abraços.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.