“Queremos muito ganhar este jogo”

Naquele que vai ser o último jogo em casa nesta época, a Granja recebe o Póvoa Futsal, neste Sábado à tarde. Vindos de um resultado pesado frente ao Viseu 2001 na semana passada, a motivação e concentração da equipa já não são as mesmas do inicio de época.

Na antevisão do encontro de amanhã, Miguel Mota reconheceu isso mesmo, “tivemos contra o Viseu um jogo de típico de fim de época, em que não conseguimos estar concentrados ao longo da partida. Começamos bem, conseguimos estar a vencer, mas apesar de haver equilibrio entre as equipas, o Viseu conseguiu impor o seu jogo e dar a volta ao marcador”. O treinador avaliou a segunda parte como “muito má, estivemos ao nível de uma equipa dos distritais e fomos goleados com toda a justiça. Faltou-nos competitividade, agressividade e estivemos muito desconcentrados, mas nesta fase é difícil pedir mais aos meus jogadores”.

O jogo contra o Póvoa vai ser a ultima exibição da Granja em casa nesta época, mas também a ultima vez com Miguel Mota ao leme da equipa no pavilhão do Corim e o técnico gostava de acabar como começou, “com uma vitória. O meu percurso nos séniores da Granja arrancou com uma vitória e gostava de me despedir dos nossos adeptos, em nossa casa com uma vitória. Vai ser um momento especial após a época fantástica que fizemos, e provavelmente para alguns jogadores poderá ser também o seu ultimo jogo em casa pela equipa, por isso queremos muito ganhar este jogo”.

Em relação ao adversário, “não há muito a dizer, conhecemo-nos bem mutuamente e por isso vai ser um jogo equilibrado. Estamos todos a fazer o que gostamos e por isso tanto uma equipa como outra vão dar um bom espectáculo, mas queremos os três pontos para nós e conseguirmos assim obter mais uma vitória nesta fase, que é um dos nossos objectivos.”

O jogo disputa-se este Sábado no pavilhão do Formigueiro, às 16h.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.