Eu também resisti muito a deixar meu pai num lugar como esses.
Camila Freire
11

Não sei como não vi seu comentário antes, só encontrei ele agora aqui no Medium e fiquei muito contente em ler, pois você é uma pessoa que acompanho (principalmente na newsletter — que sinto falta de quando chegava com mais frequência no meu e-mail, mas compreendo que nem sempre dá pra escrever) e admiro demais! Leio muito sobre tudo que você passa e passou e abrir seu coração e sua história na internet com certeza ajuda e inspira muitas pessoas, viu?

A gente ouviu muitos comentários maldosos quando colocamos minha avó num asilo. E claro que opiniões de fora sempre vão surgir, mas quem realmente precisa tomar a decisão é quem passa pelo problema, né? Mas tenho certeza de que foi a melhor decisão para ela e para nós — e para a saúde de ambas as partes, como você mencionou!

Os residentes tem cada história de vida, não é? Gosto muito de ouvir e imaginar tudo o que eles contam!