Por que as pessoas gostam tanto da banda Zander?

Zander no Hangar 110–2014

A banda Zander é sem dúvidas a banda mais querida do “Rolê hardcore”. É difícil ignorar a devoção que o público tem por eles. Conheço muita gente que jamais está presente em shows de outras bandas, mas nunca falta nos shows deles.

Mas por que as pessoas gostam tanto dessa banda? Por que os shows deles continuam atraindo cada vez mais público? Eu acredito que a questão é maior do que simplesmente “as pessoas gostam porque o som deles é legal”.

Zander em São Caetano do Sul — 2016

A banda Zander é bem profissional com o seu trabalho. Eles iniciaram a carreira em 2008, já composta por integrantes experientes que estavam tocando há muitos anos em outras bandas relevantes da cena. Logo em seguida, lançaram o EP Em construção, já apresentando músicas cativantes como “Pólvora” e “Dezesseis”. Em seguida, veio o EP Já Faz Algum tempo e o disco Full-Length Brasa, confirmando de vez a qualidade da banda. A banda lançou outros EPs nos anos seguintes, e recentemente o segundo álbum Full-Length. Eles estão sempre melhorando a qualidade de seu trabalho à cada lançamento.

As letras da banda são boas, sempre tratando de temas como rotina, relacionamentos e dificuldades da vida. Isso faz com que boa parte das pessoas se identifiquem, pois todos nós passamos por situações semelhantes.

Os shows da banda são extremamente intensos. Não importa se eles estão tocando em um pequeno bar para 30 pessoas ou em um festival para 2,000 pessoas; a conexão com o público é a mesma. Aqueles que já tiveram a oportunidade de ir à algum show deles sabem da experiência única que eles conseguem transmitir ao público. Fazer com que os fãs cantem todas as músicas com a mesma intensidade durante um show inteiro é algo que eles conseguem fazer com perfeição.

Zander no Hangar 110–2016

Outro ponto positivo para a banda ser tão admirada talvez seja pelo fato de ser uma banda “apartidária”. Eles não ficam postando discussões políticas à todo momento em suas redes sociais, não tentam influenciar seus fãs com suas opiniões pessoais sobre política e não discriminam as pessoas que vão aos seus shows pelo fato delas serem de “esquerda ou direita” ou qualquer outra coisa do tipo; algo tão comum nos shows de hardcore de uns tempos para cá. Esse tipo de discussão cansa bastante, chegando a se tornar irritante e desnecessário.

Enfim, Zander é foda! O novo álbum ficou sensacional. Espero que a banda continue por mais muitos anos lançando ótimos materiais e realizando shows incríveis “de Porto Alegre à Manaus.”

Like what you read? Give Guilherme Góes a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.