Obrigado Billy

“Não se pode dizer que essa é uma história triste porque a vida não deveria acabar em tristeza.”

Nosso querido cãopanheiro Billy fez o melhor possível, nos alegrou e recebeu muitas alegrias e agora faz parte da nossa memória. Dentre os 9 anos em que esteve aqui, dois momentos são marcantes:

  1. Quando percebemos que havia algo de errado com um cachorrinho latindo desesperadamente durante vários minutos quase em frente ao nosso portão. Você tinha sido amarrado ainda filhote na árvore ali na frente e abandonado à própria sorte. E coloca sorte nisso ;)
  2. Quando o adestrador descobriu que seu estilo era muito mais Marley do que obediente e desapareceu do mapa sem deixar pistas (provavelmente até desistiu dessa vida depois do acontecido).

A verdade é que são tantas as coisas que você aprontou que eu poderia escrever durante horas. O seu estilo de pastor sempre alerta ao seu rebanho; o seu estranho gosto de passar por entre as pernas da gente enquanto a gente andava (talvez você pensasse que fosse um pequeno chihuahua e não um cão de 40kg); o seu prazer maior era o de fazer a gente tirar o brinquedo de você do que você devolvê-lo facilmente; enfim, são muitas lembranças. Boas.

Era óbvio que essa hora chegaria. O inesperado foi o diagnóstico do seu problema (e que parecia não te incomodar até você não aguentar mais). Você foi forte até aonde deu e tudo bem, era o seu jeito. Espero que você não tenha sofrido tanto. E que você tenha a certeza de que nós daqui fizemos tudo que podíamos para te deixar o mais confortável possível.

Você vai fazer falta sem dúvida mas as lembranças que ficam são maravilhosas. Não há nada melhor do que poder ter a certeza de que você teve uma vida boa, tranquila, com muito amor e carinho. O que mais pode se querer da vida?

Obrigado por ter escolhido crescer com a gente. Obrigado por tudo que a gente viveu independente de quanto tempo foi. Sou grato por isso. Você sempre será lembrado.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.