51 esportes que não podem faltar na próxima olimpíada

Aproveitando a super tendência do jornalismo colaborativo, coloquei alguns trouxas da internet para me dar dicas e compus esse grande compilado. Não vou nem dar crédito, pois discutir propriedade intelectual e autoria na Era dos Memes me dá sono.

Bem, voltemos a vaca fria ( “revenouns à nous moutons”, ou “voltemos aos nossos carneiros” como na peça francesa que deu origem a essa expressão). As olimpíadas acabaram. E foi muito rápido. Todo mundo fica se preguntando porque os jogos não poderiam durar mais? A solução para isso é simples: aumentar o número de esportes. Aqui as “minhas” sugestões, já para Tóquio 2020:

  1. Futsal
  2. Futebol de Botão
  3. Futevôlei
  4. Jiu Jitsu
  5. Paraquedismo
  6. Futebol Americano
  7. Descida de ladeira correndo atrás de queijo
  8. Bolinha de gude
  9. Queimada
  10. Corrida de cachorros
  11. Slakcline
  12. Dança de Salão
  13. Crossfit
  14. Cara ou coroa
  15. Par ou ímpar
  16. Par ou ímpar em duplas
  17. Karaokê
  18. Paciência Spider
  19. Remada holandesa
  20. Corrida de tampinha (Tampicross)
  21. Porradinha de vodka com Escravos de Jó
  22. Buraco
  23. Gamão
  24. Imagem e Ação
  25. War
  26. Pipa
  27. Pescaria
  28. Corrida de rolimã
  29. Quem bate mais fraco / Quem bate mais forte
  30. Pole dancing
  31. Iô-iô
  32. Quem pensa o número maior
  33. Bafo
  34. Dança da cordinha
  35. Dança da garrafa
  36. Hidroginástica
  37. Batalha de rima
  38. Montar móveis
  39. Torcer toalha até secar
  40. Jacaré
  41. Lançamento de aviãozinho de papel
  42. Jogo do sério
  43. Travalíngua
  44. Rebobinamento de fita k7 com caneta
  45. Pau de sebo
  46. Corrida de saco
  47. Autorama
  48. Castelinho de cartas indoor
  49. Matar formiga
  50. Jogo da velha
  51. Pular corda

E aí, faltou algum?