40, GOD HATES US ALL

E todos nós amamos odiar uns aos outros também.

Plantação de Alface

Uma postagem do Ogrostronomia está dando o que falar lá na página, então eu resolvi tentar fazer as pazes com todo mundo, mas não empurrando um bife na goela de ninguém, nem enfiando um nabo rabo adentro. O textão é comprido, mas se você ler até o fim vai entender onde está o mal de todas as coisas e não estou falando apenas de comida.

Sabe qual o grande problema aqui? Ter um opinião sobre as coisas e o modo como levamos nossas vidas. Sou carnívoro e a minha vida inteira fui criado assim e não gosto que as pessoas digam que isso é errado, mas nem por isso acho que quem defende a causa da preservação dos animais e meio ambiente também esteja errada, mas é complicado a gente ler os argumentos que somos assassinos ou coisa parecida. A maioria que apóia a ideia de que comer coisas que sangram não está batendo na porta de ninguém dizendo OLHA SEUS VEGANOS, VOCÊS NÃO SABEM O QUE ESTÃO PERDENDO. Pelo contrário. Fiquem em paz com suas ideias sobre o que lhes sustenta e nós aqui também. Concordo com o que está na matéria do post, porque não há originalidade nenhuma em usar um termo que define uma coisa para outra. Desculpe, a semântica não mente e a verossimilhança só reforça o nosso argumento.

Comam mais vegetais e quantos animais quiserem mas parem de encher o saco

Daqui a pouco vão dizer que é errado ser hetero e monogâmico, porque os vegetarianos já levantaram todos os argumentos de mostrar como os carnívoros estão errados e para o AMOR LIVRE se tornar uma regra não custa nada. É o mesmo que dizer que o ateu só existe porque criaram um deus para ignorar. Eu já cansei de perder meu tempo com uma discussão que não vai chegar a lugar nenhum, principalmente da existência de coisas sobrenaturais. A ciência um dia irá nos salvar da extinção, ou não, só o tempo mesmo vai nos provar se vamos chegar a escassez de alimentos ou se o ser humano vai evoluir a ponto de absorver nutrientes na forma de ar e luz.

Plantação de Carne

Uma coisa eu tenho certeza absoluta. Veganos ou não, o ser humano jamais vai parar de tomar a conta da vida do outro e encher o saco, quer a gente seja vegano, carnívoro, budista, macumbeiro, gay ou Bolsonaro, sabe por que? Porque nunca estamos satisfeitos com nossas vidas o suficiente, mesmo pelas ideologias que defendemos com tanto ardor, nem com nossa religiosidade e opção sexual. Ódio do pênis, ódio de evangélico, ódio das coisas que dão prazer ao outro.

A gente precisa parar de odiar, ignorar a própria ignorância do outro, aprender a ouvir, ter humildade de aceitar que talvez esteja errado, abrir mão do orgulho e abraçar uma pessoa estranha, mas sem relar nas coxas dele ou dela, respeitando seu espaço pessoal e principalmente seu prato. Passei metade da minha vida odiando coisas até percebi que a raiva que eu tinha era de mim mesmo, não das pessoas que discordavam de mim e acreditar estar sempre certo nunca me levou a lugar algum e nem minha saúde nem a continuidade da humanidade.

Se o mundo vai acabar é porque desperdiçamos nosso tempo com bobagem e jogamos fora toneladas de alimentos que poderiam saciar uma família. É porque nos alimentamos de coisas industrializadas demais porque é mais prático e rápido para encarar um dia e ter mais tempo para brigar por coisas que realmente nos sustentam e dão um teto para a gente viver. Precisamos encontrar um meio termo, comer tantas coisas saudáveis quanto possível e não abrir mão do sabor também, seja vegetal ou animal.

Vou propor um ideia, ou melhor, duas ideias:

ABRACE UM CARNÍVORO
ABRACE UM VEGANO

Que tal gente? Vamos combinar uma orgia de comida boa e saudável. A gente promete se divertir para caralho bebendo e comendo, seja aquela salada fresca com leguminosas da estação e bem temperada, seja um lombo suíno feito nas mesmas brasa que a gente grelhou uns tomates e alhos, mas não vamos empurrar essa comida para ninguém, mas todos estão à vontade para experimentar, mesmo que a gente discorde um do outro. Que tal galera?

Até o fim deste post nenhum vegano foi sacrificado nem carnívoro crucificado, mas estamos torcendo para nenhuma coisa nem outra acontecer ou todo mundo se foder mesmo.

Like what you read? Give Guto Senra a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.