Caracterização do ambiente sonoro urbano em ruas comerciais de pedestre: uma primeira abordagem em São Paulo — Brasil

Harmonia
Harmonia
Nov 7 · 4 min read

A Organização Mundial da Saúde afirma que a poluição sonora é um dos agentes poluentes que mais afeta a humanidade. Toda esta poluição tem um grande impacto na vida das pessoas e pode ocasionar graves consequências em suas saúdes. Como forma de garantir o bem-estar da população, autoridades ao redor do mundo buscam meios de proteger e prevenir os habitantes locais deste grande vilão mundial. Um dos exemplo de medidas estabelecidas contra a poluição sonora é a Diretiva Europeia 2002/49, que dispõe sobre a avaliação e gestão do ruído ambiental nos países que são membros da União Europeia; No contexto sul-americano, o Chile foi pioneiro, e o mapeamento sonoro permitiu que fossem identificadas áreas onde a população era mais afetada pelo ruído urbano.

Poluição sonora:um problema urbano invisível.

O ruído urbano no contexto brasileiro

A gestão do ruído ambiental no Brasil está em progresso e, em 2016, a Cidade de São Paulo decidiu enfrentar esta questão ao implementar a Lei Municipal Nº 16.499, que exige a criação do mapa de ruído da cidade. Esta legislação está em desenvolvimento pelas autoridades locais, e diversos estudos vem sendo feitos, pois muito serão os desafios técnicos a ser resolvidos, já que não existem modelos de cálculo de ruído ambiental para a realidade de cidades brasileiras. Um dos obstáculos a ser encarado é o de como incorporar ruas comerciais de pedestre em simulações de mapeamento sonoro, visto que esses locais estão presentes em grandes cidades brasileiras, assim como em diversas regiões da cidade de São Paulo, e possuem um contexto sonoro único.

Alguns exemplos de ruas comerciais encontradas ao redor da cidade de São Paulo.

Ruas comerciais de pedestres e suas características

Um fato característico de ruas comerciais brasileiras, é que a maior parte das fontes sonoras existentes neste tipo de espaço é proveniente de atividades humanas. Seja através de anúncios em alto falantes em lojas, ou camelôs que gritam para chamar a atenção de fregueses, esses locais apresentam fontes sonoras que ainda não foram investigadas e que podem ser grandes desafios para a elaboração de mapas de ruídos de ruas voltadas ao comércio.

25 de Março: Importante rua comercial da cidade de São Paulo. Multidões, camelôs, tráfego urbano e alto falantes são alguns elementos característicos deste tipo de espaço urbano.

Estudo de caso: Calçadão de Osasco

Localizado na Região Metropolitana de São Paulo, o Calçadão está localizado na cidade de Osasco, e é uma rua de pedestres, palco de diversas atividades humanas e comerciais. Com 500m de extensão e mais de 250 lojas e restaurantes, a área de estudo está cercada por vias locais, dois terminais de ônibus, estação de trem, shopping center e hospital. De segunda a sábado, mais de 350 mil pessoas transitam no calçadão e, durante a época de festas de final de ano, este número atinge a marca de um milhão e meio de pessoas que utilizam o espaço para realizar suas compras.

Mapa do Calçadão de Osasco e seu entorno imediato

O Calçadão de Osasco apresenta elevados índices de níveis de pressão sonora e apresenta grande fluxo de atividades ao longo do dia, por isso pode ser considerado um grande exemplo para realizar um estudo inicial sobre como incorporar este tipo de espaço urbano em mapas de ruído da cidade de São Paulo.

Metodologia de trabalho e conclusões

O estudo do ambiente sonoro do Calçadão de Osasco foi avaliado em duas etapas:

  • Quantitativa: consistiu-se em medições de campo para avaliar os níveis de pressão sonoras e geração de mapa de ruído da região através softwares de simulação acústica;
  • Qualitativa: soundwalk, gravações do ambiente sonoro e questionários para a identificação da percepção dos usuários sobre o local e fontes sonoras a serem consideradas na avaliação do ruído urbano de ruas comerciais de pedestres.

Os resultados das medições de campo mostram que o Calçadão apresenta elevados índices de Lday. Além disso, através do espectro dos pontos medidos, é possível notar que há componentes de baixa, média e alta frequência em um ambiente sonoro como o Calçadão.

Espectrograma de um ponto de medição sonora do Calçadão.

Para a realização do soundwalk, os participantes deste estudo caminharam por toda a extensão do Calçadão e, após isso, responderam a um questionário que permitiu que fossem identificadas as informações subjetivas a respeito do ambiente sonoro.

WordArt com palavras que os participantes do soundwalk concordaram em utilizar para descrever a paisagem sonora do Calçadão.

Este trabalho é uma primeira abordagem sobre como incorporar ruas comerciais de pedestres em simulações acústicas para a elaboração do mapa de ruído da cidade de São Paulo, e para mais saber sobre este tema, você pode ler o artigo publicado no ICA 2019 na integra aqui.

http://www.ica2019.org/


Harmonia

Written by

Harmonia

Acoustics consultancy company | We believe that sound shapes the world | www.harmonia.global

Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade