Heitor Loureiro
May 16, 2017 · 1 min read

eu vou com frequência de regiões mais periferias de SP para Moema/Campo Belo e sempre chego no meu destino falando: os maiores perrengues que passei hoje na bicicleta foram quando eu cruzei as fronteiras dos bairros da classe média alta. Pedalar em bairros que os moradores habitam seus SUVs grandes após saírem de seus apartamentos pequenos (mas com área de lazer e varanda gourmet) é um ato de resistência sim. Deixem que gritem. A violência (ainda que verbal) é o último recurso dos frustrados.

    Heitor Loureiro

    Written by

    Ciclista e professor