Cronologia Dinâmica das Piores Melhores Fotos de Shows

A quase seis anos atrás o fotógrafo colaborador de um dos meus sites deu pra trás, e eu tive que comprar uma câmera de última hora pra fotografar o show do Eagle Eye Cherry no falecido Via Funchal em São Paulo.

Depois de dar uma pesquisada, acabei comprando uma câmera simples que cabia no meu bolso. Peguei uma Canon XSI, com o kit iniciante que vem com uma lente 18–55mm F/3.5 5.6.

E esse foi a melhor click que eu consegui fazer com a experiência de curso de fotografia da faculdade, uma lente escura e com quase nada de zoom.

Eagle Eye Cherry

Quase dois meses depois apareceu a oportunidade de fotografar uma das primeiras bandas que eu gostei na vida, o Nofx.

Fui exatamente com o mesmo set, mas o show aconteceu em um lugar sem muita estrutura. O palco quase não tinha iluminação, eu ficava muito longe da banda e fazia tanto calor que só de tirar o cap a lente já embaçava.

Fiz quase 150 clicks, e consegui salvar só 13 fotos ruins.

Fat Mike do Nofx no Santana Hall

Essa foi a que ficou menos pior.

Logo em seguida me chamaram pra fotografar o show do Matisyahu, novamente no Via Funchal.
Já era o terceiro show que fotografava em menos de 3 meses com um set de fotografia que estava longe de ser bom, mas a iluminação da casa e a performance do artista salvaram essa sessão.

Matisyahu

Depois desse show começaram a aparecer mais oportunidades para fotografar em lugares diferentes.
Como o equipamento estava me limitando demais, comecei a experimentar outras coisas para sentir se o resultado era muito diferente.

Fishbone

Essa foto do Fishbone no Carioca Club eu fiz com o Nikon D90, aproveitei o fato de ser uma Nikon e coloquei a saturação no máximo.

Millencolin

Nesse show do Millencolin eu usei uma lente 70–200mm em uma Canon 60D.
O zoom da lente foi perfeito pro show, mas o fato do peso, tanto da lente quanto da camêra me incomodaram um pouco.

Pra fotografar o McFly no HSBC usei um set simplezaço, barato, que me agradou bastante por conta da praticidade.
Usei uma Canon 600D com uma lente 18–135mm F/3.5–5.6.

Depois disso usei de tudo, todas as Canons e Nikons que podia, com todas combinações de lente que eu conseguia arrumar emprestado ou alugando por ai.

Tedeschi Trucks Band
Wes Borland do Limpbizkit
Greg Graffin do Bad Religion
John Feldmann em um mosh tenso que rolou no show do Gold Finger no Carioca Club.

E pra completar quase 1 ano fotografando shows, apareceu a primeira oportunidade de fotografar um grande festival.

Snoop dogg na segunda edição no SWU em Paulinia.
Kanye West
Courtney Love
Alice in Chains

Dai pra frente fotografei um monte de coisas que gostava e não gosta
Maroon 5, Jack Johnson, Faith No More, Lynyrd Skynyrd, Foster The People, MGMT, Janes Addiction, The Kooks, Black Eyed Peas, Ben Harper, Damiam Marley, Chris Cornell, Stone Temple Pilots, The Naked and Famous, Flogging Molly, A day to Remember, Yellowcard, Streetlight Manifesto, Reel Big Fish, Tedeschi Trucks Band,Peter Gabriel, Sonic Youth, Primus, Megadeth, New Found Glory, Four Year Strong, The Naked and Famous, Band of Horses, Tv on the Radio, Joan Jett, Manchester Orchestra, Thievery Corporation, Less Than Jake, Rx Bandits, Strike Anywhere, Anti-Flag, Alkaline Trio, Rise Against, Pennywise, Friendly Fires, Cage the Elephant, Hypnotic Brass Ensemble e Cypress Hill.

Cage The Elephant no Lollapalooza.
Foster the People no site do Wall Street Journal Uk.
Faith No More no SWU.

Fotografei show na chuva, na lama, em boteco, em casa, em estádio, em arena, e em festival.
Todos com o equipamento que eu conseguia arrumar pouco tempo antes do show.

Friendly Fires no Lollapalooza
Jack Johnson no Espaço das Américas
Maroon5 no Anhembi

Com o passar do tempo você percebe que a sua limitação de equipamento acaba onde começa sua pegada na foto. Seja com celular, Cybershot, DSLR, analógica ou o que for, o que importa é o seu ponto de vista da composição.

E se estiver acostumado com o câmera que tem, você vai saber como dar um jeito na foto que você quer tirar.

Fergie no Black Eyed Peas

Hoje eu fotografo com qualquer dispositivo que gere imagem, e tento me virar pra ficar bom.

Aqui tem meu flickr com todos os shows que eu já fotografei, e meu instagram onde eu posto qualquer imagem legal que eu fizer por ai.