me deixe

não é a primeira vez que acontece
eu te deixo entrar na minha vida
me conquistar
com seus pequenos detalhes,
com suas pequenas manias
e ate mesmo com seus maiores defeitos
e então
você se vai
você decide que não quer mais
você não se importa,
alias… ninguém se importa
mas
por que alguém se importaria?
eu sou apenas mais uma
não sou nada demais
não sou ninguém 
e a cada dia me torno cada vez menos
queria poder dizer que aprendi
que superei
que entendi e
que enfim segui em frente
mas nem tudo que se quer
se tem
e deve ser por isso que pra variar
eu to sozinha 
e as vezes eu paro pra pensar
se eu faço alguma diferença 
se eu valho a pena
se
sla, faz diferença eu estar aqui
eu viver, na verdade
sobreviver 
sobreviver a cada dia
a cada noite, a qual eu durmo chorando
superar tantas dores
pra que?
pra você vir, novamente, me destruir?
desculpa, eu não sou tao forte assim
então, me perdoe se eu não te respondo tao rápido quanto você quer
me perdoe por eu ter te silenciado em todas as redes sociais 
me perdoe, mas também me entenda
eu tenho a leve, bem leve impressão, 
que devo me amar e não a você
que devo me preocupar comigo e não contigo
que devo viver a minha vida e não a sua
então, que tal me deixar viver? ou pelo menos tentar.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.