Previsão: 6 ouros, 26 medalhas e o top 10

Larissa e Talita são candidatíssimas ao ouro. Foto: Divulgação/CBV

Depois de apresentar as previsões internacionais e nacionais de medalhas do Brasil na Rio 2016, chegou a minha vez. Assim como todos, acho que o Brasil vai ter o seu melhor desempenho da história, tanto em número de ouros (Atenas 2004, com 5), quanto em total de medalhas (Londres 2012, com 17).

Aposto na Rio 2016, em 26 medalhas para o Brasil, sendo 6 ouros, 8 pratas e 12 bronzes, o que deve ser suficiente para atingir a meta do top 10 estabelecida pelo COB.

OUROS

Canoagem (Isaquias Queiroz / Erlon Souza — C2 1000m)

Futebol masculino

Judô (Mayra Aguiar — meio-pesado)

Vela (Martine Grael/Kahena Kunze — 49er FX)

Vôlei de praia feminino (Larissa/Talita)

Vôlei masculino

PRATAS

Atletismo (Fabiana Murer — salto com vara)

Boxe (Robson Conceição — 60kg)

Ginástica artística (Arthur Zanetti — argolas)

Handebol feminino

Judô (Érika Miranda — meio-leve)

Maratona aquática (Ana Marcela)

Vôlei de praia masculino (Alison/Bruno)

Vôlei feminino

BRONZES

Atletismo (Caio Bonfim — marcha atlética 20km)

Basquete masculino

Boxe (Joedison Teixeira — 64kg)

Canoagem (Isaquías — C1 1000m)

Judô (Sarah Menezes — ligeiro)

Judô (Rafaela Silva — leve)

Judô (Victor Penalber — meio-médio)

Luta livre (Aline Silva)

Natação (Bruno Fratus — 50m livre)

Tênis (Bruno Soares/Marcelo Melo — duplas)

Vela (Robert Scheidt — Laser)

Vôlei de praia masculino (Evandro/Pedro)

Isso significa dizer que não aposto em medalhas do futebol feminino; de Ágatha/Barbara (vôlei de praia); de Thiago Pereira, Felipe França e João Gomes Jr (natação); de Allan do Carmo (maratona aquática); de Érica Sena, Thiago Braz e do 4x100m feminino (atletismo); de Rafael Silva e Maria Suelen (judô); de Fernanda e Ana Luíza (vela); de Patrick Lourenço, Robenilson de Jesus, Juan Nogueira, Adriana Araújo e Andrea (boxe); de Iris Sing e Venilton Teixeira (taekwondo); de Isaquias no C1 200m (canoagem); de Felipe Wu e Cássio Rippel (tiro); de Marcus Vinicius e da equipe masculina de Arco; de Yane (pentatlo); de Flávia Saraiva, Arthur Nory e Diego Hypolito (ginástica).

Tomara que eu esteja certo em relação às 26 medalhas previstas e errado em relação aos demais.

A single golf clap? Or a long standing ovation?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.