O primeiro salto

Todo paraquedista é um pioneiro. O primeiro salto…!

É um salto ao desconhecido. É um pulo ou uma queda ou uma passo tropeçado — ou mesmo um empurrão — em um novo mundo. É um novo mundo para o qual a natureza não nos equipa, Para o qual nenhuma descrição ou qualquer tipo de simulação pode preparar nossos sensos. O qual esta saltando pela primeira vez é um explorador, não apenas desse estranho novo mundo que o mesmo esta preste a entrar , portando ele esta se explorando ao mesmo tempo.

Se jogar no espaço vai contra qualquer instinto humano. Pesadelos são feito disso. Então durante o momento, ou talvez horas ou dias antes do primeiro salto, o paraquedista se testa contra um nível de medo no qual ele provavelmente nunca sequer tinha encontrado-se anteriormente, e quando ele supera aquele medo ele encontra um sentimento de conquista que talvez vá superar todas as experiências vividas anteriormente.

O mesmo numa sequencia de saltos talvez chegue a explorar o prazer e a alegria que geralmente substitui o medo.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.