miga você não sabe o que é amor livre.
Juliana Janeiro
63

Penso nessa questão de amor livre mais como uma forma de identidade afetiva do que uma forma de se relacionar. Prefiro deixar as coisas fluírem, não preciso de uma identidade para que os outros me vejam através disso, e “pela lei natural dos encontros eu deixo e recebo um tanto”, simples assim, trata-se do que se pode deixar e receber.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Igor Yong’s story.