E se…?

Duas palavras que acompanhadas de um ponto de interrogação paralisam e atormentam. Podem ser uma sombra de uma vida inteira, a prova dos arrependimentos e da insegurança.

Só servem para te lembrar o quanto você perdeu e o que poderia ter ganho. Te lembram daquele momento de fraqueza em que você preferiu não criar riscos e perdeu uma chance. Por isso, não tenha medo de satisfazer suas vontades. Tenha medo apenas de se arrepender daquilo que você fez do que aquilo que você não fez. A garantia do tormento eterno está exatamente na diferença entre essas duas ações, portanto, faça. Retome suas forças e lembre-se que você está no comando da sua própria vida e é o único que pode fazê-lo feliz. Então, respire fundo e vá atrás do seus sonhos. Afinal, o não você já tem. O sim pode ter consequências maravilhosas e transformadoras, basta tentar.