Contos de Dentro — Obrigado!

A menina elétrica e depressiva, que anda pra cima e pra baixo com seus All-star e um maço de um cigarro qualquer na bolsa. Tem um sorriso lindo, e tá sempre aparentemente feliz. Tem seus demônios, claro, mas luta constantemente com eles. Nem sempre vence, mas nem sempre perde. Poderia ser mais uma pessoa qualquer, tirando o fato que ela é especial. Sim, especial! Ela muda a vida das pessoas. Bem, não sou um lisonjeador, falo por que ela mudou a minha vida. E vejo o quão é importante darmos valor as pessoas que nos querem bem! Que nos querem ao redor. Que nos acrescentam, ao passo em que acrescentamos a vida delas. Ora, o que seriamos sem nossos amigos? E o que eu seria hoje sem você?

Obrigado por me mostrar que a vida não é só cinza. Obrigado por me mostrar que os demônios são maiores dos que as pessoas pensam. Obrigado por não desistir desse saco de lixo que vos fala. Obrigado por estar aqui. Eu poderia te agradecer pra sempre, mas sei como tu fica tímida com isso.

Tu é a melhor amiga que eu já tive.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.