Tenta me reconhecer no temporal.

Oi, você sabe que é pra você esse texto, né?

Eu queria te agradecer pelos momentos. Dizer que tá tudo bem, sem ressentimentos mesmo. Percebi que estamos melhores assim, entende? Acho que não devíamos ter nos aproximado tanto, na verdade. Só tornou as coisas um pouco mais… confusas, complicadas, eu não sei. Mas foi bom! Foi bom e eu vou guardar isso. Infelizmente você sempre vai ser meu “e se?”, e infelizmente eu tenho esse maldito hábito de sempre manter uma porta aberta, e ela vai ficar.

Te cuida. Me procure se precisar.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated McLovin’s story.