Eu sinto a sua falta, sinto falta de tudo que passamos juntas. Sinto falta de todas as vezes em que eu me senti especial por estar perto de você, por poder dizer que você era a minha amiga. Sinto falta daqueles dias loucos que dava vontade de não ir pra escola e nós passávamos a tarde em casa mesmo, comendo besteira e rindo de uns filmes inapropriados. Sinto falta das tardes no shopping e das conversas bobas no ponto de ônibus esperando o nosso chegar. Sinto falta de tudo. Tudo mesmo. E é nos momentos que eu me sinto mais sozinha que eu lembro de você, mas tudo bem… Porque eu aprendi que não devo permanecer em relacionamentos tóxicos só porque eu me apeguei até ao mal que a pessoa me faz. Eu te amo e sinto sua falta. Mas eu sinto mais falta de quem eu era antes de você.

Like what you read? Give Irianne Veloso a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.