Sim, gostei.
Nando Rodrigues
11

Hei, Nando! Tudo bom? Eu fico espantada ao ver as interpretações das pessoas sobre o texto. Sabe, escrevi esse como cachorro a observar a rua e a uivar em resposta. Mas aqui cabe espaço pra muitas coisas. É a mágica da leitura, poder se adaptar e se moldar a várias perspectivas.

Gosto muito de criar ambientes através de outros detalhes, utilizo muito a poesia na criação dos contos. Não me canso das cenas cotidianas, dos hábitos corriqueiros. Eu gosto de ver o óbvio por outros sentidos, é isso que eu procuro com a minha escrita.

Muito obrigada! Um abraço.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.