Sobre iniciativa e super heróis

Tá, é um clichê, eu sei, mas quem nunca quis ser um super herói?
Pra mim, quanto mais próximo da realidade fossem eles, mais eu gostava
Batman, Homem de Ferro, Demolidor, etc. Nunca fui fã de super poderes.

Caramba, como nós já sonhamos….

Mas sabe o que é o melhor neles? Não são as suas habilidades físicas, suas armas, e nem suas tecnologias. São o fato de serem pessoas normais que agem pelos motivos certos, são as suas inspirações, o fato de sacrificarem suas vidas por algo maior que eles mesmos, de conseguir impactar, mudar e até salvar outras vidas com isso. É o fato de eles darem esperança e mostrarem para as pessoas que pequenas ações importam.

Sempre tentei puxar isso para a nossa realidade. E caramba, como é difícil. É difícil sair do senso comum, trilhar um caminho alternativo. Caminhar pelo caminho menos escolhido, enfrentando o desconhecido e o incomum. Fazer o que é certo, tendo claramente definido o que acredita, e se apoiar nisso. Fazer o que é preciso, o que é necessário, mesmo não sendo o que você quer ou o que tem vontade.

E ainda pensamos muito nisso. Ter algo maior que você mesmo pra se dedicar
Algo de que você se orgulhe enquanto viver e que deixe como legado, para outros continuarem, quando morrer. Dar um sentido para tudo isso.

Olhe ao seu redor. Há várias formas de mudança. Não há somente estudo, trabalho, morte e herança para os filhos. Há muito mais em viver do que somente sobreviver

Então eis aqui a minha mensagem: Não se enfie tanto nas atividades do seu dia a dia a ponto de se perderem. Não perca a oportunidade de fazer o que realmente importa, o que realmente merece o seu tempo, dinheiro e energia.

E não somente faça isso, mas seja isso. As pessoas precisam mais disso. Suas mudanças, por mais loucas que sejam, são necessárias para você chegar aonde deve chegar, aonde é o seu lugar. Portanto, comece-as, dê o primeiro passo, mantenha o ritmo, supere-as, e então, quando ser alguém totalmente novo, comece tudo de novo.

Você tem um grande caminho pela frente. Essa é a SUA jornada, e de mais ninguém. Nunca desista do que você acredita pelo ‘’mundo real’’ das pessoas. Esse mundo é muito limitado, muito pequeno, você é muito grande pra ele. Eles apequenam as próprias vidas em troca de ‘’ser normal’’, em troca da mesma mensurável de sucesso de sempre.

Uma vez uma amiga me disse, indignada, que o ‘’conselho’’ que mais deram a ela foi: ‘’Você não pode mudar o mundo’’. Porra, como não? Qual o tamanho do seu mundo? Há um só mundo? Só o seu? E você é realmente tão pequeno nele?

Não tenha medo de morrer, mas sim de ter uma vida vazia. Tenha mais questionamentos. A sua culpa é uma chamada para agir, é a sua alma te cutucando e falando ‘’Vamo porra! Sai dessa cama!’’

Encontre o seu motor, o que te move, bem dentro de você. Tenha o desejo intenso, a paixão, de se tornar melhor. Sempre tenha um propósito, se torne isso. Dessa forma, não será parado por ego ou pela barreira que outros lhe impõem.

Se faz sentido, nunca é vazio, muito menos sozinho. E lembre-se, a vontade de agir é tudo.

Estude, treine, aprenda, melhore, conheça, aproveite, lute, e por fim, viva