Passeando na trilha de Umberto Eco — 1/3
Allana Dilene
71

Não vou mentir, não entendi direito nem o conceito de leitor-modelo nem o de autor-modelo.

Claro, saquei a inferência(?) que se faz quanto ao cavalo e à carruagem; já vi um exemplo parecido com marteladas. =P Mas não ficou claro pra mim o que É (UM) ou (O) leitor-modelo.

Igualmente a ideia do narrador-personagem que divide sua experiência é familiar (como em Princess Bride, por exemplo), mas o quanto isso se aproxima do conceito de autor-modelo também fugiu.

Mas talvez eu esteja sendo intrometido e tentando entender coisas que deveria ter lido o livro pra sacar.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.