Paixão

Surgiu de repente

Aquele navio

Contra a corrente

Tudo porta afora

Como se nada acontecesse

O silêncio por si só

Calava aquela noite

Tão calma, tão calmo

E a saudade

Cada vez mais forte

Só lamentos a esperar

Jamais assim seria

Viria ainda o pior

As más tentações

Os corações desesperados

Entrelaçados

Sem que se soubesse enfim

O que aconteceria

Um desejo proibido

Paixão constante

Que nunca se consumaria

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.