Peroração de uma paixão

Tua barba falhada

Que eu achava do mundo a mais macia,

Minha pele já não acaricia.

Suas manias agora me irritam

E hoje somos opostos do ontem que estes corpos habitam.

Deixamos apenas queimar,

O fogo não alimentamos,

Queimou até acabar.

Agora sua voz que aos meus ouvidos era canção, hoje já não é mais.

Dormir ao teu lado ou transar com você, tem o gosto do “tanto faz”.

Não se ouve mais os risos

Os risos deram lugar aos rabiscos,

Nós encarregamos de rabiscar tudo aquilo

Que antes por nós já fora construído.

Você é diferente agora

Ou exatamente o de sempre,

Mas foi só agora, que o encanto acabou

Pela primeira vez enxerguei o verdadeiro você.

Fecharam-se as cortinas,

Ousamos desentrelaçar os dedos

Deixamos ecoar o silêncio

Da nossa história ouviu o estalo do interruptor as luzes apagar.

O the end chegou,

Cada qual para um lado diferente

Porque simplesmente a paixão acabou.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Jessica Suguyama’s story.