“A história dos meus dentes”
Guilherme Ramos
31

Estou lendo e dando gargalhadas no ônibus, as pessoas me olham e sinto que ficam me achando doida. Tem cada história, que dá pra querer escrever uma história, como o amigo do Estrada, que é escritor de frases de biscoitos chineses! É bem diferente de Rostos na Multidão, mas tão bom quanto!

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.