Existência Irrelevante

Sinto vontade de voltar ao ventre da Mãe Terra

e nutrir novas formas de vida,

pois assim eu poderia ser útil

ao menos uma vez em minha estadia

Assim como você,

eu também busquei um significado,

Gastei tantos anos e tantas energias,

mas mesmo assim não fui recompensado

Estou acabado

Tenho tanta tristeza dentro de mim

que a sinto subindo por minha garganta

e escorrendo por meus olhos e pulsos

Quero acabar com tudo isso

Não sei como

Olho ao meu redor e não vejo mãos amigas,

apenas armas de fogo

carregas por quem um dia julguei companheiro

Minha existência é algo que deve ser esquecido

Estou certo de que ao menos dessa vez

eu e a razão caminhamos lado a lado

Caio no chão,

sem nenhum indício de vida

Cobri a história de um ser irrelevante

com pólvora, tristeza e sangue

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.