A sociedade não-secreta de pessoas que se importam secretamente
Karine Dandolini
91

Para mim, não faz sentido esse joguinho psicológico que as pessoas fazem quando estão afim umas das outras. Não faz sentido você receber uma mensagem e se contorcer esperando 10min para abrir e não parecer ‘fácil’. Não faz sentido você provocar um situação de ciúmes ou fingir que não esta nem aí quando está.

Depois de 3 anos de relacionamento sério e um término super saudável (postei um texto hoje sobre isso, rs), chego a conclusão que não estou disposto a me relacionar com esse tipo de pessoa. Não estou disposto a correr atrás para receber pedrada. Não estou estou disposto a fingir que não quando a resposta é sim.

Eu quero relacionamentos limpos, simples e livres. Quero mandar mensagem quando eu estiver afim, chamar para sair, dizer ‘não’ quando eu não gostar de algo, ligar no meio da noite quando me der vontade. Eu quero expor meus desejos e estar ao lado de alguém que me mostre o que está sentindo.

Eu quero só amor, o resto deixa para amanhã.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.