Velho Chico, Good Morning Call e a dificuldade de contemplar o que é simples
Leonardo Correia
11

Há tempos tenho falado que o Silvio Santos está perdendo tempo em não lançar a versão brasileira de Hana Yori Dango (ou Boys Over Flowers na versão coreana).

Eu vejo mais a invasão só de dramas japoneses, desde o inicio do ano 2000 até hoje, do que coreanos, tanto no streaming (Netflix, crunchyroll e etc…) e PRINCIPALMENTE NA INTERNET, onde tem vários sites especializados só nos dramas. Depois dos J-dramas o que eu vejo fazer sucesso é os dramas tailandeses.

Os dramas asiáticos podem apresentar alguns exageros, mas o que desperta o interesse são os valores e pensamentos abordados, assim como as diferenças culturais. Tem comédias românticas, dramas de ação, suspenses, todos muito bons. “Healer” e “Pinocchio”, por exemplo, abordam o papel da mídia como formadores de opinião na sociedade. “Sungkyunkwan Scandal”, “The Heirs” & “Boys Over Flowers”, enfatizam temas como amizade, divisão de classes sociais, etc. Talvez, por isso, o público brasileiro esteja tão ávido pelo gênero.

Os Dramas Coreanos são muito bem dosados e não causam vergonha alheia como novelas brasileiras que se passam apenas em 2 lugares: na cama e na mesa, Sem mencionar que as idéias são descaradamente copiadas por novelas globais, não a história em si mas a ideia . Outro ponto legal é que artistas coreanos são completos e em muitos dramas cantam a musica tema que sempre se torna sucesso nas paradas.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.