Levitando por aí

O carnaval passou e eu mal tinha aproveitado. Fiquei doente a maioria dos dias e perdi quase toda a bagunça da minha época preferida do ano. Mas talvez isso pudesse me ajudar: a sabedoria do Faquir (minha tradicional fantasia de carnaval) poderia ser chave na minha nova vida?!?

Rio de Janeiro, 2009

Eu já estava imprimindo hábitos para uma vida espartana e meu humor começava a levitar naturalmente. Não dormia em cama de pregos, mas tinha tomado algum cuidado com o corpo e isso também trazia alguma leveza. Agora eu ia de bike pra muitos lugares, andava bastante, e continuava jogando bola e fazendo pilates.

A cabeça eu ia exercitar com um curso online de matemática(uma das minha paixões) e com uma aula na pós da USP que eu ia assistir como ouvinte, mas ainda tinha algum tempo livre pra expandir meus horizontes… e principalmente uma sensação de eu devia usar essa pausa para ir mais fundo, me virar do avesso pra me entender melhor e mudar o que me incomodasse.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Jorge Leite’s story.