Consciência: O Legado que os fãs do Iron Maiden deixaram para Fortaleza

Nos últimos meses Fortaleza foi palco de grandes shows de metal e de pop rock, mas algo fez a diferença e impulsionou esse cenário: Os fãs do Iron Maiden.

A cidade tem sido palco nos últimos meses de grandes shows de Rock, o que não era muito usual na capital cearense, já que as grandes produtoras investiam maciçamente em artistas do forró. Os shows de rock se concentravam em lugares menores e com menos destaque, as atrações só costumavam tocar juntas em um festival de pop rock que ocorria apenas uma vez ao ano. Mas qual a possível causa (ou causas) dessa reviravolta nesse cenário? Como tem sido vivenciar essa nova onda de espetáculos?

Tive um bate-papo com o Tiago Marques, fundador do site Iron Maiden Brasil — maior do país com conteúdo relacionado à banda — , e que atualmente também tem atuado na promoção de shows na capital cearense, e ele me conta um pouco sobre sua visão a respeito da contribuição dos fãs da banda nesse cenário de mudança na realização de shows internacionais, sobre as campanhas em prol da banda, além de dividir um pouco da sua experiência pessoal ao vivenciar o show da Donzela na capital cearense.

As campanhas nas redes sociais e os encontros entre os fãs

Segundo Tiago, o grande gatilho dessa mudança no cenário musical dos grandes espetáculos de rock em nossa capital foi a mobilização dos fãs nas redes sociais e ele cita a campanha de 2008 para a vinda do Iron Maiden à Fortaleza através do, hoje extinto, Orkut, da qual ele participou ativamente, e que acabou por inspirar diversas campanhas para atrair a atenção da mídia e das grandes produtoras nos anos subsequentes.

Campanha Iron Maiden Em Fortaleza (Imagem: Iron Maiden Brasil)

Com o advento do Facebook , a força da voz dos fãs mostrou ainda mais potência, e em 2013, a Arte & Produções — produtora referência no Norte-Nordeste, responsável pela vinda de grandes atrações internacionais como Jennifer Lopez, Beyoncé, Paul McCartney e The Black Eyed Peas à capital cearense — , chegou a emitir em sua página oficial no Facebook um comunicado direto aos fãs explicando os mais diversos fatores que implicam na realização de grandes espetáculos internacionais, sem deixar de fazer questão de expor também o seu interesse em trazê-las.

Comunicado Arte Produções (Foto: Facebook)

Ajudando a quem precisa

As mobilizações saíram do mundo virtual e acabaram virando encontros entres os fãs e o lado social não foi esquecido. Em 29 de março de 2013 houve o 1° Maiden Day em Fortaleza, a campanha arrecadou alimentos não perecíveis, sendo o IPREDE a instuição beneficiada pela doação.

Doações no 1° Maiden Day Fortaleza (Foto: Iron Maiden Brasil Notícias)

Desde então, os eventos passaram a ter um viés social e no ínterim entre um encontro e outro, houveram doação de sangue e de roupa para instituições de caridade.

O show

“Tenho costumado dizer que esses dias foram os mais longos da minha vida.” — Tiago Marques
Show do Iron Maiden em Fortaleza (FOTO: Arte Produções/Divulgação)

Em março desse ano na Arena Castelão, mais precisamente no dia 23 — oito anos após o início da campanha no Orkut — o show do Iron Maiden finalmente ocorrera, como os fãs tanto queriam. Os dias que antecederam ao show foram para Tiago “os dia mais longos de sua vida”, desde o anúncio do show até o momento em que a banda aterrissou na cidade, o sentimento foi de vitória. Não lhe restaram palavras para agradecer a todos que participaram das campanhas e que tornaram aquele sonho em realidade.

Fãs do Iron Maiden à espera do show na Arena Castelão (Foto: Arquivo pessoal)

O futuro

Tiago pontua que a capital cearense está no caminho certo e que no momento, com a consciência de organização já estabelecida pelos fãs cearenses através das redes sociais na criação de mais campanhas oriundas do interesse do público, os novos espaços como o Centro De Eventos, o Centro de Formação Olímpica (CFO) e a nova Arena Castelão, além do óbvio interesse e profissionalismo das produtoras envolvidas e dispostas a atender à demanda do público fazendo frente às grandes produtoras do sul e sudeste, a cidade esteja apta a chegar realmente a uma condição ainda mais confortável na realização de grandes espetáculos em 2017.


Escute aqui a entrevista que fiz com o Tiago Marques:


Gostou da matéria? Dá um ❤!

Obrigado pela força de todos!