Antes eu tinha uma história, pronta. Mas o Medium apagou

Bem triste.

Olha que sacanagem: Eu tinha escrito um relato dentro do busão sobre o vendedor de pau de selfie e o Medium apagou! Mas como to acostumada a fazer tudo de novo pra finalmente dar certo, nem fico mais chateada. Nem fico mais surpresa, na verdade. Na minha vida as coisas só funcionam assim, primeiro dá errado pra depois eu refazer e ficar tudo ok.

Mesmo com 22 anos de idade eu não aprendo a fazer nada certo, a parar e pensar, faço tudo no impulso, por isso que minha cabeça anda tão fodida com questões tão simples. To com dó até da minha terapeuta, tadinha. Esse meu jeitin precisa ser estudado porque não é possível, gente. Até pra criar um Medium foi por impulso!

Então já vou avisando aqui que os textos que serão publicados não terão um ar poético com palavras bonitas e concordâncias verbais, mas sim, palavrões, desabafos e talvez um relato maneiríssimo sobre um vendedor de Icegurt (como eu não tinha pensado nisso antes?). Aqui vai ser Brasilzão e ponto final. Hoje eu tenho um date pós-término de um relacionamento conturbado que tive, quem sabe eu não volte mais tarde e escreva alguma coisa???? Uma fanfic?? Texto erótico?????? não??//

Veremos.

Like what you read? Give Julia Gonçalves a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.