firmamento

eu desço ainda mais

voluntário

pra segurar a mão

e elevar os olhos pro depois

pois que minha alma se apegou

independente do que eu queria

desobediência que me parte infinitamente

me fragmenta em brilhante poeira

e se tu partir, luz, candeia

quem iluminará as viagens?

quem convidará às travessias?

não importa os anos-luz

nem todas estrelas são cadentes

presente ou longíqua

que só finde no fim do dia

é só essa a oração

é só isso o que fica

4/1/2016