Razão , Desejo e vontade

josemilanez Esse foi o tema escolhido por min já que o Vídeo do trabalho foi perdido por um dos componentes do grupo. Esse tema esta localizado no Capitulo 27 do livro de Filosofia.

A tradição filosófica constitui o (racionalismo ético) , pois atribui à razão humana o luga central na vida ética e a (concepção intelectualista), a vida ética ou vida virtuosa depende do conhecimento , pois é somente por ignorância que fazemos o mal e somos levador por impulso e paixões contrários à virtude e ao bem.

Ambas concordam quanto à ideia de que , por natureza , somos seres passionais , cheios de apetites , impulsos e desejos cegos , desenfreados e desmedidos , cabendo à razão (seja como inteligência , no intelectualismo , seja como vontade , no voluntarismo) estabelecer limites e controles para paixões e desejos.

Já a Concepção voluntarista , parte de nos mesmo da nossa vontade , levando nos a agir , querer ou não querer o que a inteligência nos ordena Se a vontade for boa saberemos quando querer de novo e se for má , vamos querer mais e mais.