Metapoesia parapatética

Há poemas sobre poemas

põe “mas”

e massa

Há poemas contra poemas

contra eu

contra tu

sem subjetivação

Há poemas contra nós

sobre cordas

linhas

objetivas

Há bem-te-vis

bem

te

vi

Há a avenida do verbo haver

existe

é

está

Há os que fazem

mandam

obedecem

e não rimam