Flores Flutuantes

Em frente um dos cartões postais mais famosos do mundo, um espelho d’água. Flores parecem brotar dele, parecem estar soltas, dançando ao ritmo do vento na coluna d’água. Centenas de pessoas tirando e posando para fotos nesse mesmo lugar que eu estava, porém, a direção de suas câmeras era diferente da direção da minha.

O que chamava a atenção de tanta gente para o lado oposto era o letreiro gigante com os dizeres ‘I AMSTERDAM’ bem em frente ao Rijksmuseum. Não que o letreiro não me encantasse, é bem bonito realmente, mas as cores vivas e quentes das flores nesse espelho d’água quase que gritavam por um pouco de atenção naquele dia frio e de vento cortante. Não pude resistir ao chamado delas e o que acabou acontecendo foi que não tenho nenhuma foto na frente do tal letreiro.

Fui embora dali, fiquei mais uns dias na cidade, mas fotografar as belas paisagens de Amsterdã ficou um pouco mais difícil depois dessa foto. Nada conseguia trazer de novo esse sentimento de ‘belo ignorado’ que essas flores me fizeram sentir.


Este texto foi originalmente publicado no meu blog de fotos. Se você gostou do conteúdo dessa postagem, visite o blog, assim você também pode ler outras publicações e fotos.