O que penso sobre as DROGAS

Seria muito bom mais e mais pessoas aderirem a drogas cada vez mais pesadas, venenosas, destrutivas, zumbificantes, e letais a médio (ou mesmo curto) prazo.

O mundo está muito sóbrio. Saudável. Entediante. É triste saber que a pessoa ali do outro lado da calçada está sã e vai saber se comunicar de forma lucida com você, caso você se dirija a ela.

Isso deveria ser algo mais raro, algo que você pensasse “Que bom que finalmente encontrei alguém com quem possa ter uma conversa minimamente inteligível!!”.

A popularizada Marijuana infelizmente não é capaz de cumprir o papel proposto. São necessárias politicas publicas que incentivem o uso de substancias mais dissociadoras da realidade para atingir o resultado desejado.

Não estará bom enquanto a pessoa não ficar babando igual ao Patrick do Bob Esponja quando você perguntar “que horas são? você está bem? você fala minha língua?”.

Muitos podem ser críticos e contrários a ideias tão ´´debi e loides´´, mas para reflexão levanto os questionamentos:

Estaria eu triste em um mundo onde eu tenho mais vagas de emprego disponíveis porque o restante da população já está menos qualificada que seus próprios animais de estimação????? Estaria eu triste por ser considerado um Deus do Olimpo dentre reles mortais que possuem dificuldades até mesmo para se lembrarem de respirar????? Estaria eu triste por viver um “walking deads do mundo real”???

Conclusão: fim