Felicidade

O que move a sua felicidade? Quais seriam os obstáculos para te tornar plenamente feliz?

Felicidade é algo conhecidamente subjetivo, que não esbarra nos obstáculos da comparação e não pode ser igualada por semelhanças, por mais semelhante que duas felicidades sejam. Explico. Felicidade é momento, exato, contado, vivido instantaneamente. Esse momento pode ser captado sozinho ou em conjunto e aí que está a particularidade de cada felicidade: não somos iguais, nosso conjunto não se compara a nenhum outro e por maior que seja o esforço em maquiar-se num outrem, o indivíduo nunca abandonará a sua própria essência por completo.

Além de subjetiva, a felicidade é espontânea. Ninguém consegue ser feliz dizendo “vou ser feliz agora”, não, isso não acontece por mais que se queira. A felicidade pode variar entre um sorvete ou um abraço apertado. Pode ser conquistada com muito esforço ou quando menos se espera, depois de ter cansado de esperar.

A felicidade por não ser constante cria uma sensação de falta e até mesmo transtorno. Quando se espera ser a todo momento feliz, entra-se em conflito com a própria definição de existir (ter presença viva, viver, ser). Qual seria a finalidade de existir quando tudo que queres ou deseja lhe são ofertados sem a experimentação do esforço ou o conhecimento adquirido da tentativa? Ser feliz é a conquista de uma vida de plenitude, onde consegue-se realizar os desejos que se dispõe a realiza-los. Seja ele passar no vestibular ou tirar 10 numa prova muito difícil. E por não ser constante que a felicidade se torna ainda mais especial, pois se torna uma droga que a dependência se torna instantânea, quem prova da felicidade uma vez remoe-se por mais e mais doses. Mas atenção! Não deixe esse vício tornar-se algo destrutivo, como eu disse a felicidade é conquista e não presente. Acostume-se com a ideia de que nem sempre será feliz e isso pode não ser ruim se souber ponderar como se alcançou o outro extremo da corda, a infelicidade, e desse jeito voltar para a rota certa e conquistar a droga que move a vida.

Então, tens trabalhado para ser feliz?

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.