Seja a borboleta

(Julho/2012)

Você já presenciou uma borboleta saindo do casulo? Notou como é difícil a luta para ela se libertar? Imagine o que aconteceria a essa borboleta, se você decidisse ajudá-la. Talvez você abrisse o casulo um pouco, tornando mais fácil para ela sair. Você sabe o que poderia acontecer? Muito provavelmente ela não sobreviveria. A luta é a preparação para a fase posterior da vida dela. A luta garante longevidade para esta pequena criatura. Assim como nossos esforços do dia a dia garantem nosso sucesso. Crescimento e mudanças se apresentam através das lutas diárias. Ao evitá-las, você perde oportunidades de melhoria. A luta nos obriga a mudar quando preferimos ficar parado. Basta perguntar a qualquer pessoa bem sucedida e você aprenderá que foi por meio de transformações que eles alcançaram o sucesso.

Muitas vezes é através da adversidade que descobrimos uma nova forma para abordar uma situação. Afinal de contas, a necessidade é a mãe da inovação e da invenção. Torne-se uma borboleta, lembre-se do ciclo de transformação dela. Decida aprender com a oportunidade e usá-la para chegar mais perto de seus sonhos e objetivos. Não evite os desafios, eles são necessários para o caminho do seu sucesso. Abrace os momentos, não importa quão difícil possa parecer no presente. Reflita agora sobre as muitas lições que você teve até hoje, como resultado de uma luta que você enfrentou e venceu.

Siga em frente com confiança, acolha as lutas em sua vida — seja a borboleta!