Sequoia & Kings Canyon National Park

Decidimos de última hora dar uma passeada no Sequoia National Park. Deu certo que aqui nos EUA estavam comemorando 100 anos dos parques nacionais bem no final de semana que fomos. Aqui existem muitos parques e são bastante frequentados pela população, todo mundo adora um parque, passam horas fazendo escaladas, acampamentos, trilhas e se divertindo nos rios. É comum entre os americanos terem contato com a natureza desde criança.

Confesso que quando cheguei aqui e ouvia sobre o costume de passar o final de semana no parque, fazendo trilhas e blá blá blá parecia meio chato, mas tem sido uma das coisas que mais gosto de fazer por aqui. São tantas belezas naturais para ver, a paz e o silêncio que você sente quando está em contato com a natureza, são inexplicáveis. Me trás lembranças da minha infância onde costumávamos acampar todo verão.

O parque que fomos são na realidade dois parques juntos, é enorme e as vezes para ir de um ponto para o outro você demora mais de uma hora de carro, mas o caminho pode ser tão lindo quanto a chegada. Caso você passe mal com curvas na estrada é melhor tomar algum remédio para ajudar. O Sequoia National Park é conhecido pelas suas sequoias gigantes, algumas com mais de 2 mil anos de idade e o Kings Canyon National Park por seus cânions maravilhosos de enormes camadas rochosas.

Alguns pontos imperdíveis para visitar num final de semana.

Moro Rock

Moro Rock

É uma formação rochosa que fica no centro do parque, Sequoia National Park, entre Giant Forest e Crescent Meadow. Uma escada construída em 1930 pelo parque leva os turistas até o topo da pedra.

Moro Rock

Escada que leva ao topo

Moro Rock

Vista do Moro Rock

Moro Rock

Árvore que cresceu na pedra, deixa um cenário inusitado

Moro Rock

Caminho que leva ao topo da pedra

Moro Rock

Caminho que leva ao topo da pedra

Moro Rock

Vista do Moro Rock

Giant Forest

É um ótimo lugar para começar a visita pelo parque, várias pontos interessantes para se conhecer encontra-se nessa região. O Tunel Log da foto abaixo é um dos pontos que valem a visita.

Árvore caiu em Dezembro de 1937, túnel tem aprox. 2.5m de altura com 5m de largura.

Crescent Meadow é considera a jóia da serra, ela também marca o final da High Sierra Trail que leva até Mount Whitney que é a montanha mais alta dos Estados Unidos.

Crescent Meadow
Crescent Meadow

Crescent Meadow: Tronco ponte

Crescent Meadow

Tronco que forma uma ponte de um lado ao outro da trilha

Crescent Meadow

Tronco ponte

Crescent Meadow

Crescent Meadow Trilha

A região é linda, você passa por árvores tão gigantescas que quase não da para acreditar que consigam ficar em pé. Quando estávamos deixando esse lugar, encontramos um bambi, a coisa mais fofa, e uma mãe urso com dois filhotes, quase morremos de medo e felicidade.

Sequoias Gigantes

Sequoias Gigantes

Bambi

Bambi

Infelizmente não é tão simples tirar fotos de urso e os três juntos é praticamente impossível

Infelizmente não é tão simples tirar fotos de urso e os três juntos é praticamente impossível

Chimney Tree encontra-se na trilha Crescent Meadow. É uma um tronco que está oco no seu interior. É possível entrar e admirar as paredes internas do troco e olhar o céu pelo túnel que se forma como uma chaminé.

Crescent Meadow

Chimney Tree entrada

Crescent Meadow

Chimney Tree dentro do tronco

Buttress Tree caiu sem aviso algum em 1959, com aproximadamente 2.300 anos. O tempo estava bom, sem vento ou chuva, sequoias as vezes perdem seu equilíbrio e caem quando suas raízes estão fracas, pelo fogo, erosão ou solo muito molhado.

Butters Tree
Buttress Tree

General Sherman Tree é uma árvore sequoia gigante que fica no Giant Forest do Sequoia National Park. Por volume, é a maior árvore viva na terra, mas não a maior árvore historicamente registrada.

General Sherman Tree
General Sherman Tree

General Grant Grove

É uma parte do Kings Canyon National Park onde possuí algumas atrações, a mais popular delas é a General Grant Tree, é a terceira maior árvore por volume do mundo e tem mais de 3.000 anos.

General Grant Tree
General Grant Tree

Ela é tão larga que precisaria de umas 20 pessoas com mãos dadas para fazer o ciclo completo em volta dela.

Fallen Monarch é um tronco caído que permite as pessoas cruzarem por dentro dele. Não se sabe quando caiu, mas estima-se que foi a uns 300 anos. Por volta de 1860 o tronco começou a servir para vários propósitos, como estábulo de cavalos, moradias para dois irmão, hotel e bar. Não me pergunte como, mas acredito que nessa época as pessoas se viravam de uma maneira bem peculiar.

Fallen Monarch

Fallen Monarch

Fallen Monarch parte interna

Fallen Monarch parte interna

Centennial Stump é o que sobrou de uma árvore cortada em 1875 e enviada para a Philadelphia Centennial Exhibition em 1876. O problema é que os primeiros exploradores começaram a contar sobre as árvores gigantes que tinha encontrado e a população ficou um pouco incrédula com a notícia, então os exploradores resolveram cortar a árvore em pedaços e enviar para o outro lado do país. Esta em especial levou 9 dias e 2 homens para cortá-la. Pelo menos três sequoias gigantes morreram para provar que elas existiam.

Centennial Stump

Centennial Stump

Centennial Stump

O que sobrou do tronco

Gamlin Cabin foi construída pelos mesmos dois irmãos que moraram no tronco Fallen Monarch que citei anteriormente, Israel e Thomas Gamlin em 1872. Viveram na cabana até 1878, depois que foram embora a cabana serviu para vários propósitos.

Gamlin Cabin

Gamlin Cabin

Gamlin Cabin
Gamlin Cabin

Crystal Cave

É umas das 240 cavernas conhecidas no Sequoia National Park, a caverna é uma constante de 9 °C. É acessível através de excursões guiadas pelo parque. Os ingressos não são vendidos no local, podem ser comprados online ou no centro de visitantes localizado no parque.

Crystal Cave
Crystal Cave
Crystal Cave
Crystal Cave

Visitamos vários lugares, paramos em vários pontos no caminho para apreciar a beleza dos cânions, a exuberância da natureza…

Kings Canyon National Park
Kings Canyon National Park
Kings Canyon National Park

…o por do sol do alto da montanha…

Por do sol

Foi um final de semana intenso e com muitas histórias para contar, ficamos numa cidade chamada Three Rivers — CA, uma casa/fazenda o que foi bem legal, alugamos pelo Airbnb, mais informações aqui.

Preciso terminar esse post porque cada vez que olhos as fotos quero colocar mais uma. Qualquer dúvida ou pergunta é só deixar nos comentários.


Originally published at Chillipink.