Nunca esqueça Linus Torvalds

Pinguim “Gigante”

Uma tradução livre de https://hackernoon.com/dont-ever-forget-about-linus-torvalds-e196bcd016b8

Não penso que Torvalds tenha o departamento de PR do Zuckerberg.

Uma busca no Google por Mark Zuckerberg em 2017 retorna 27,5 milhões de resultados. Torvalds? 500,000. Vamos considerar que seja uma medição válida sobre popularidade, então continuando…

A história tem um jeito de pinçar e escolher quem será venerado. Eu tendo a acreditar que pessoas que viveram há 100 anos atrás, ficariam surpresas em relação aos nossos ícones atuais, e de quem foi esquecido.

Muitos disseram, “nós nos apoiamos em ombros de gigantes”. Na maioria das vezes, nem sabem o nome dos gigantes.

Não há dúvidas que o Facebook será uma potência para o resto das nossas vidas. As pessoas não esquecerão Zuckerberg. Com razão. Torvalds, eu não tenho tanta certeza.

Ele não será esquecido entre os hackers. Mas, e a indústria da tecnologia? Cada vez mais, VCs e dinheiro, Wall Street e ARR recebem a atenção. Essa é a moda, e há tanta coisa ao redor para prestar atenção.

Então, já que é assim. Aqui está mais um resultado no Google para ser adicionado aos 500k. Um pequeno tributo, para vagar pela Internet.

A computação mudou muito nos últimos 20 anos. Houve um tempo em que cada aplicação web de página-única precisava de uma corporação.

Quando a Internet estourou, aconteceu muito rápido. 1994. Este foi o ano da mudança. Logo depois, duas coisas chocantes aconteceram. Sandra Bullock estrelou o filme The Net, e pelo que eu me lembre apareceu um comercial de TV do Yahoo.

Era como ter um clube da árvore com seus amigos da vizinhança, e de repente eles estavam fazendo um filme sobre seu clube e sobre sua casa na árvore na televisão. Haviam gigantes tecnológicos antes de 1994, mas nada comparável aos dias atuais.

Aqui está um exemplo rápido, PCs vendem 15x mais hoje do que vendiam em 1998. Num mundo conectado onde os PCs são praticamente piada!

Provavelmente aconteceria sem Torvalds. Afinal, teve Gates, Andreessen, Oracle e IBM. Mas sem Torvalds, seria diferente. Eu lembro de ler sobre Linux no meio dos anos 90 e pensar, algum dia isso estará em toda parte. Já faz bastante tempo agora.

Tudo isso me levou ao Git. Enlouquecendo na tentativa de dominá-lo, isso é difícil quando se trata de uma obra de arte. Uma lição em como pensar sobre um problema e projetar uma solução brilhante. Os sistemas de controle de versão antes do Git, eram o melhor que as companhias multibilionárias podiam fazer. No entanto, elas não tinham a imaginação para criar uma solução como o Git.

Voltando para 2017. Comunicação instantânea em todos os lugares. Bilhões de computadores nos bolsos de todo mundo. Mais de 2 bilhões rodam Android. Sabe qual SO roda neles?

Toda essa coisa que você não consegue viver sem. Facebook, Twitter, AirBnB, Uber, Medium, seu PC, telefone, sistemas empresarias, sistemas de usuário. Tudo isso roda sobre a tecnologia que UM CARA inventou.

A Oracle tinha um slogan de marketing há algum tempo. Era um slogan sensacional, se é que isso é possível. Em letras vermelhas garrafais. PROGRAMAS ORACLE SUSTENTAM A INTERNET.

Isso pode ser dito com honestidade a respeito dos programas de Torvald.

O hacking continua, se você não for preso pela PF, mas as pessoas parecem mais interessadas na bufunfa grande. A imprensa, especialmente. Perseguindo dólares e indo a caça de milionários de 20 e poucos? Networking, sério? Não é exatamente o que eu gosto de chamar, o jeito Hacker.

Então, em um mundo tecnológico que algumas vezes se encheu dele mesmo, quem mais, além de Torvalds, viria para dizer que todo esse fru-fru de inovação é uma grande besteira! Trabalhe duro. Eu não conheço nenhuma pessoa importante do mundo da tecnologia, com essa mensagem, nem quem tenha feito mais para torná-la real.

Esse é o jeito Hacker.