Duobus: Cerveja Artesanal e Hambúrguer

Uma das minhas melhores relações profissionais foi com o JP. Trabalhei com ele por 5 anos.

E uma coisa totalmente surreal eram as nossas reuniões de negócios. Sentados em uma pracinha, comendo cachorro quente, tomando cerveja e, inevitavelmente, falando sobre vários outros assuntos.

Normalmente falávamos sobre hambúrguer.

E em uma dessas conversas, entre um gole e outro, ele me falou do Duobus, que, em sua opinião, era o melhor hambúrguer da cidade no momento.

Junto com a recomendação veio o aviso:

“É melhor você ir logo antes que todo mundo descubra e fique ruim”

Porque, inevitavelmente, essas coisas acontecem mesmo.

Todo mundo sabe de uma lanchonete ou outra que sofreu várias mudanças e “perdeu a mão”.

Precisou contratar vários funcionários e o produto acabou mudando.

Quiseram maximizar os lucros e trocaram presunto por apresuntado.

Isso acontece, cara. E é uma merda.

Mas eu vou dar o Spoiler: O Duobus é ótimo e nas duas visitas que fiz, com meses de diferença, não notei queda de qualidade alguma. Muito pelo contrário.

O que deu para sentir é que o Duobus ainda não está em sua forma final, está ainda em evolução.

E isso é excelente. Mas, como sempre, vamos por partes.

TROO

O ambiente do Duobus (ou da Duobus, sinceramente não sei) é simples, mas aconchegante.

A loja possui áreas de atendimento interna e externa. Nas duas vezes que estive no local, todas as mesas/cadeiras estavam do lado de fora.

Mas acredito que em caso de chuva, todo mundo vá para dentro mesmo.

E o espaço interno não é tão amplo assim, visto que eles ainda precisam guardar lugar para os insumos de cerveja.

Ainda não comentei? Pois é, o Duobus é, na verdade, uma BREW SHOP.

Fonte: Instagram.com/duobus

Além dos hambúrgueres e das cervejas artesanais, fabricadas pela PRÓPRIA empresa, você pode sair de lá com lúpulo, malte e todas essas coisas de quem quer fazer sua própria cerveja em casa.

Homebrewing não é muito minha praia, então não posso realmente opinar sobre a qualidade ou variedade de tais produtos.

Mas, como um todo, eu gosto MUITO de locais assim. Algo bem “relaxado”, que você senta na calçada em umas cadeiras de plástico, rindo e bebendo cerveja com seus amigos.

É bem “raiz”. E isso conversa muito comigo.

O atendimento é bem tranquilo e feito pelos próprios donos do estabelecimento.

Todos foram extremamente atenciosos. Dá pra notar que fazem o serviço com todo carinho do mundo.

Um dos proprietários, que, infelizmente não me recordo do nome, foi várias vezes perguntar se estávamos bem, se precisávamos de algo mais.

E oferecer mais uma cerveja, claro.

Fonte: Instagram.com/duobus

O responsável pelos hambúrgueres, que ficou na churrasqueira, também foi muito simpático. Perguntou se estava tudo de nosso agrado e avisou dos vindouros eventos do Duobus.

A galera é tão pé no chão que rolou até um “vai desculpando qualquer coisa”.

Porra, eu me senti totalmente em casa.

Como deixei escapar há pouco. Os hambúrgueres também são feitos em uma churrasqueira, que fica ao ar livre.

Tudo alí mesmo e esse processo de produção inevitavelmente aparece no perfil do Instagram da Duobus.

O hambúrguer é super simples e só existe uma combinação: blend bovino, queijo muçarela, cebola caramelizada e maionese caseira.

Foto antiga e tirada nas pressas, mas o hambúrguer tava delicioso

Sua única opção de escolha é o tamanho da carne: 100g, 160g, e 200g.

E, meus amigos, que burgão SENSACIONAL.

Sim, ele tem poucos acompanhamentos.

Sim, ele só tem um “sabor”.

Mas, sinceramente, não precisa de mais nada.

É tão bem feito. Tão perfeito em sua simplicidade, que não precisa de mais nada.

O único defeito é que não é MAIOR.

Nas duas visitas eu fiquei com vontade de comer mais um. Mesmo pedindo o maior que o Duobus tinha a me oferecer.

Fonte: Instagram.com/duobus

Em uma invasão de “hamburguerias gourmet”, o Duobus tem uma apresentação simples, em um saquinho de papel, e acompanha uma porção individual de batata frita.

Quando existem estabelecimentos por aí servindo o hambúrguer em “pedra de ardósia” ou uma tábua de carne vintage, parece pouco, não é?

NÃO! Eu disse e repito. É a perfeição da simplicidade.

Menos é mais.

Então esse é o melhor hambúrguer de São Luís?

Acho que não. Fico realmente em dúvida.

Ele é meu TOP 2 FÁCIL.

Mas a briga pelo Top 1 é acirrada demais. E, quem sabe, até o fim do semestre eu consiga elaborar esse Top 5 com toda certeza, visto que agora meus lanches voltaram a ser “mais técnicos”.

Outro aspecto que eu preciso comentar são as cervejas artesanais produzidas pelo próprio Duobus.

Não sou um expert, mas experimentei a IPA e a Blond Ale oferecidas na casa e devo dizer que gostei bastante.

A IPA, minha preferida, harmoniza muito bem com o hambúrguer e não pesa tanto. Não achei tão forte ou amarga.

Não é uma Session, mas também não teve ter um IBU, índice de amargor, muito alto.

Fonte: Instagram.com/Duobus

Se você curte cerveja artesanal, recomendo bastante as cervas do Duobus. Comer um hambúrguer caseiro com a cerveja caseira feita no local, é a epítome da experiência que eles podem oferecer.

E se você não entender de cerveja e quiser provar mesmo assim, converse com o dono. Ele parece ser um senhor super gente boa e receptivo.

Sim, eles também possuem um “beer truck”, mas, citando o meme, “nunca nem vi”. Só sei da existência pelo Instagram mesmo.

Para concluir eu recomendo COM FORÇA que você vá ao Duobus. Se puder, fique ligado no Instagram dos caras e tente comparecer, CEDO, em um dia de promoção. Tudo fica muito barato e dá para experimentar várias cervejas e, claro, comer dois hambúrgueres.

O hambúrguer de 200g, fora de promoção, sai por R$ 20,00. O Chope por R$ 12,00.

O que, infelizmente, é meio salgado.

Ainda espero grandes coisas do Duobus. Animado para ver o que vem pela frente.

Rua Boa Esperança — Res. Pinheiros, São Luís — MA, 65064–447
https://www.facebook.com/cervejariaduobus/
https://www.instagram.com/duobus/