Gran Pastelli: Seria este o melhor pastel de São Luís?

Eu vou contar um segredo pra vocês.

Bem aqui e agora.

Pastel é minha comida de ressaca. O que é meio irônico quando é uma coisa que harmoniza deliciosamente bem com uma cervejinha.

Saudades Bar do Porto de 2005/2006. Saudades showzinhos de rock.

E eu já falei sobre Pastel aqui. Fiz um post sobre o Japonês, o Rei do Pastel. E Lá mesmo eu citei que tinha tentado visitar o Gran Pastelli para fazer um comparativo.

Bom, meus amigos, a parte dois desse embate sai hoje.

Até pouco tempo atrás estava frequentando BASTANTE o Gran Pastelli, quando visitava semanalmente a Ludorama, logo em frente.

Fico realmente impressionado com o local, como está novinho e bem cuidado. É tudo muito limpo, bem arrumado e acredito que muito tem a ver com a dedicação do senhor Benjamin, dono do local.

Mas dele eu falo mais na frente.

O ambiente é pequeno, só uma lojinha daquela galeria. Do lado de fora algumas mesas e dentro três sofazinhos e mesas na lateral direita, com espaço para quatro pessoas sentarem confortavelmente em cada, algumas mesas, com tampo de madeira/vidro iguais às mesas que acompanham os sofás e alguns bancos perto da fachada de vidro.

detalhe da fachada

Mais na frente fica o balcão onde devem ser feito os pedidos/pagamentos, uma janelinha que dá para a cozinha, de onde chegam os deliciosos quitutes fritos, e alguns quadros na parede.

Não plaquinhas cool, mas design com temática de pastel mesmo. Tem no vídeo.

É isso. Pequeno, aconchegante e bem limpinho.

O atendimento SEMPRE foi sensacional.

Acho que sempre fui atendido pelo senhor Benjamin. Ele aperta sua mão, pergunta como você está e qual o seu pedido.

Sempre educado, sempre comentando sobre o cardápio, sempre disposto a te vender um pastelzão gigante.

Às vezes pode demorar. Já peguei inclusive fila, mas nada fora do esperado quando a casa tá muito cheia.

E quando você tem a sorte de achar o Pastelli vazio, chega em 5 minutinhos mesmo.

Até o cardápio é gigante

Certo, não quero me estender mais do que o necessário. Vamos falar do pastel.

Melhor pastel.

Próximo texto. Adeus.

Brincadeiras à parte, no momento, o Gran Pastelli é meu pastel preferido. E eu vou te explicar o porquê.

Ponto 1: Preço

Ele é barato de verdade. Os sabores tradicionais (carne, queijo, pizza, etc) saem por R$ 9.99. Os preços vão aumentando dependendo dos sabores, claro.

Os mais caros da casa são R$ 24,99. Camarão, Filé e Bacalhau. Todos os três com catupiry.

Ponto 2: Tamanho

Todos os pastéis possuem 30cm e são ABSURDAMENTE recheados. Minha esposa, inclusive, acha ele recheado DEMAIS.

Eu, por outro lado, acho que não existe essa história de excesso de recheio.

Maluca, ela.

Ponto 3: Gosto

Para o meu paladar, o pastel é delicioso. Massa bem feita, crocante, bem frita, recheio bem temperado, saboroso, ingredientes de qualidade… Só vejo benefícios.

É até gordinho de tanto recheio

Para essa visita eu comi o pastel de Carne de Sol com Queijo coalho. Saiu por R$ 14,99.

Da mesma forma que falei acima, delicioso. Super recheado e a carne estava uma muito boa.

Ainda acho que não é o meu preferido. O de calabresa com queijo, que vem com MUITO queijo e MUITA calabresa provavelmente ocupa a primeira posição ainda.

Todos os pasteis acompanham vinagrete, geleia de pimenta que, até onde eu saiba, é feita na casa, e ketchup e maionese DE SACHÊS.

Esse, pra mim, é o ponto crucial. Se a concorrência quer QUALQUER CHANCE de chegar perto do Gran Pastelli, começa bem por aí: ketchup e maionese de sachês.

Todo mundo sabe que aqui em São Luís O PAU QUE ROLA é maionese caseira.

Quantas vezes você não foi na puta que pariu pra comer uma maionese caseira boa?

Sem contar o verdadeiro fight entre a maionese do Sousa e a maionese do Flerte em tempos já passados.

Digo e repito quantas vezes forem necessários: Colocar um sachê do lado do seu pastel, senhor Benjamin, é um desserviço.

Principalmente quando a concorrência que em minha opinião é a mais direta, tem maionese e ketchup caseiros.

Não é difícil de fazer não. Até ajudo na receita. Só mandar um direct.

Finalizando…

Eu realmente recomendo conhecer o Gran Pastelli. Um dos melhores custos/benefícios de São Luís.

É delicioso, é grande, e mata uma fome como ninguém. Bem possível que você nem consiga comer todo.

Colocando uma maionese de respeito do lado vai ficar imbatível.

Vejo vocês no ano que vem.